Conheça as tendências de Natal 2014

 In Destaque, Sem categoria

Os consumidores portugueses passam cada vez mais tempo online durante a época de Natal, seja para procurar produtos, comparar opções ou fazer a compra final. Conheça as tendências para este Natal.

Fique a par das principais tendências de Natal em 2014

Este Natal, a Google Partners elaborou um relatório de tendências onde refere que em média, os portugueses passam mais duas horas online nesta época que no Natal de 2011, o que se traduz num aumento de 76% do tempo despendido online. As compras online são cada vez mais frequentes representado 76% das compras e assistindo ao decréscimo das compras baseadas em flyers (33%) e em recomendações de amigos e familiares (32%).

O website da loja (36%), os retalhistas online (35%) e os motores de busca (28%) representam os principais recursos digitais utilizados pelos consumidores portugueses.

Os consumidores portugueses referem que os meios online são fundamentais no processo de decisão de compra na medida em que através da internet tomam conhecimento das ofertas, efetuam pesquisas e finalizam a compra.

À questão “como é que os consumidores tomaram conhecimento do produto ou oferta que adquiriram”, 39% dos inquiridos revela que conheceu a oferta através de experiências anteriores, 13% em conversa com amigos e conhecidos, 19% no momento da pesquisa pré-compra, 11% através de publicidade e 15% refere que nenhum dos indicados contribuiu para a tomada de conhecimento.

Os locais favoritos dos portugueses para efetuarem compras são a loja física (69%), telemóvel (4%), online (17%), email (3%) e outro (7%).

Vejamos agora quais as principais tendências ao nível das pesquisas em motores de busca, ascensão do Mobile em Portugal e utilização de vídeo:

  1. MOTORES DE BUSCA

As pesquisas no Google nesta época Natalícia indicam enquanto principais termos de pesquisa, por categoria:

Setor alimentar: receitas, bolos, bacalhau.

Compras: fnac, zara, ebay, olx, la redoute, bershka, decathlon.

Jogos: fifa 14, gta5, gta v, ps4, bet365, betclic.

Computadores e eletrónica: Windows, worten, asus, hp, Samsung, fnac.

Prendas e presentes: prendas para, prendas originais, prendas natal originais, prendas namorado, prendas natal, prendas homem, prendas namorada.

Saldos e Promoções: saldos inverno, zara saldos, saldos 2014, saldos online, época de saldos.

Os motores de busca tornam-se cada vez mais importantes e 82% dos cibernatutas utiliza-os na loja.

A aplicação eficaz de técnicas de SEO permite que a sua empresa seja mais facilmente encontrada pelos seus clientes em detrimento de empresas concorrentes, em termos de pesquisa orgânica.

  1. MOBILE

44% dos utilizadores de telemóveis em Portugal têm um smartphone.

52% dos consumidores usou um smartphone para fazer compras de natal este ano.

40% das compras e-commerce da black Friday foram em dispositivos móveis.

Mobile representa 60% do tempo dedicado a digital media.

No natal de 2011 mais de 17 milhões de novos telemóveis e tablets foram ativados no dia de natal.

Estar presente ou não em mobile deixa de ser uma opção por parte das empresas. Com a crescente aposta dos portugueses em tecnologia móvel, as empresas devem estar preparadas para dar resposta a esta necessidade, apostando em sites web responsive, ofertas exclusivas, entre outros.

  1. VÍDEO

69% dos consumidores visita a loja depois de ver um vídeo sobre a loja ou sobre determinado produto à venda na loja.

 

Entre os principais tipos de vídeo vistos pelos cibernaturas, é de destacar:

Avaliações de produto, classificação do produto por amigos (64%)

Informações diversas (52%)

Avaliações de produto, classificação do produto por especialistas (51%)

Demonstrações do produto (48%)

Vídeos de marcas (32%)

Vídeos de retalhistas (28%)

Para que aproveite ao máximo esta época de Natal, a Inboundware deixa-lhe alguns conselhos:

  • Aproveite para contactar clientes antigos, mostre a importância que os atuais têm e surpreenda novos clientes.
  • Defina o que o Natal significa para a sua empresa e aja em concordância. Não soe demasiado oportunista ou force as vendas.
  • Melhore as suas campanhas todos os anos. Analise o que correu bem e mal nos anos anteriores e planeie cuidadosamente a sua estratégia este ano.
  • Faça um balanço de como correu 2014, quer em termos internos como com clientes e fornecedores. Aproveite esta reflexão e melhore em 2015.
  • Pense cuidadosamente no âmbito da sua oferta: seja um produto ou seja um desconto num serviço. Pense no que os seus clientes precisam e em como lhes pode dar resposta.
Recent Posts

Leave a Comment

Contact Us

We're not around right now. But you can send us an email and we'll get back to you, asap.

0